Nosso Blog

Entre em contato

O Glúten pode piorar minhas questões hormonais?

29 jul O Glúten pode piorar minhas questões hormonais?

O Glúten pode piorar minhas questões hormonais?

Se você luta contra a acne, inchaço, ganho de peso, alterações de humor, fadiga, infertilidade e outros problemas menstruais, abrir mão do glúten pode ajudar.

Em uma pesquisa de 2014, mais da metade das pessoas que abandonaram os alimentos que contém glúten, relataram melhorias na sua saúde.

O pesquisador italiano Alessio Fasano também descobriu que o glúten faz o corpo a liberar uma proteína chamada zonulina, que afrouxa a permeabilidade do revestimento do trato intestinal.

Quando o revestimento do trato intestinal é “rígido e correto”, apenas os nutrientes que nosso corpo precisa são absorvidos através das paredes do intestino.

Quando essas junções são enfraquecidas, outras substâncias (como partículas maiores de alimentos e patógenos perigosos) podem se infiltrar nas paredes intestinais.

Isso desencadeia uma série de outros problemas, como acne e outros problemas de pele, inchaço e dificuldade digestiva, mudanças de humor e cansaço constante.

O glúten também afeta os hormônios reprodutivos ao inflamar e danificar as vilosidades do intestino delgado.

Quando as vilosidades são danificadas, o corpo tem mais dificuldade em absorver nutrientes e a comida se move lentamente pelo intestino. Isso significa que o excesso de estrogênio permanece no corpo por mais tempo, contribuindo para a estrógeno-dominância.

Mulheres com endometriose que retiram o glúten da alimentação, relatam reduções na dor após seis a 12 meses da dieta, de acordo com dois estudos separados. E há alguma evidência ligando a doença celíaca e a Síndrome do Ovário Policístico.

Dr. Diogo Simão complementa, dizendo: “Lembre-se sempre de que, depois de obter as informações corretas sobre como seu corpo realmente funciona, você poderá começar a fazer escolhas saudáveis que funcionarão para você!”

Equipe Espaço Volpi

Quero agendar uma consulta

Your html code will go here