Abacate e ovo: agora pode

02 maio Abacate e ovo: agora pode

Antes colocados na listra negra da alimentação, o abacate e o ovo foram absolvidos pela ciência. Afinal, novos estudos (até que provem novamente o contrário), atestaram que esses alimentos fazem bem à saúde. O abacate é uma fonte de gordura boa (insaturada) antioxidantes, vitaminas e minerais. Antes, todas as gorduras eram colocadas no mesmo balaio do mal. A melhor versão dele é o avocado: menor e menos calórico. Mas, cuidado: para fazer parte de uma dieta saudável, deve ser consumido preferencialmente com uma fonte de proteína. Por exemplo: batido com leite ou iogurte magros. E nada de açúcar, por favor. Gordura insaturada com esse tipo de carboidrato estimula a produção de insulina, que incentiva o acúmulo de gordura. Quanto ao ovo, pesava contra ele o fato de carregar colesterol para o organismo. Mas os últimos estudos mostraram que alimentos ricos desse tipo de gordura têm pouca influência no aumento da mesma no organismo – apenas 20%. Portanto, por que banir o ovo se ele é um dos alimentos mais completos em bons nutrientes? Anote: ovo é rico em proteína, incluindo todos os tipos de aminoácidos essenciais, vitaminas como a D, raramente encontrada em alimentos, e minerais como ferro, zinco e potássio. Só não vale fritá-lo, pois, nesse caso, você coloca gordura trans no prato, resultante do processo de “fritura”.

Gostou deste artigo? Então enriqueça este artigo com seu comentário, registre a sua opinião e compartilhe conosco suas experiências!